terça-feira, 29 de março de 2022

PLENÁRIA ESTADUAL PELO DIREITO A CIDADE E ACESSO À TERRA



A Ouvidoria Externa da Defensoria Pública do Estado de Rondônia em parceria com o Núcleo Estadual Despejo Zero realiza em 30/03/2022  a “Plenária Estadual pelo Direito a Cidade e Acesso a Terra”, com o intuito de debater sobre estratégias de enfrentamento ao impacto social provocado pela ausência de Políticas Públicas voltadas ao acesso à moradia e à terra no estado de Rondônia e, para tanto convida as instituições da esfera pública e organizações sociais e demais interessados a participar do evento neste dia.

A primeira parte do evento, que terá início pela manhã das 09h00min às 12h00min, tem a finalidade de ouvir a comunidade sobre o tema e destina-se a participação de movimentos e organizações sociais, segmentos da sociedade,  grupos de pesquisa da Universidade Federal de Rondônia e demais instituições de ensino superior do Estado, além de representantes de áreas ameaçadas por despejos, seja no campo ou na cidade, em todo o território rondoniense. Já o segundo momento que acontece das 14h00min às 16h30min, terá à participação das representações do poder público tais como MPF, MPE, DPE, DPU, INCRA, SPU, PREFEITURA MUNICIPAL, SEMUR, SEAS, SEMASF, Assembleia Legislativa, Câmara Municipal, dentre outros.

Com isso o evento pretende promover o diálogo entre as instâncias publicas e da sociedade civil organizada na busca de soluções para o problema da moradia, reforma agrária e acesso à terra.

Durante as atividades, camponesas e camponeses irão expor e comercializar sua produção agrícola, fruto do uso e efetiva função social da terra.

Local da Plenária: Auditório Dom João Batista Costa – Localizado na Rua José do Bonifácio, N.º 351, Bairro: Caiari, Porto Velho-RO. Horário: a partir das 8 horas da manhã.

Instituições como CPT, Via Campesina, MST, MPA, Coletivo Popular Direito a Cidade, Central dos Movimentos Populares, União Nacional por Moradia Popular e CEBRASPO contribuem na realização do evento.

Fonte: Ouvidoria Externa da DPE-RO e CPT-RO

Um comentário:

  1. Olá bom dia a todos e todas!
    Sou agricultor trabalho com agroecologia.
    E acho Muito valioso este trabalho de vocês.
    É muito importante que si comente sobre os impacto dos agrotóxicos,como forma de inviabilizar as condições saudável em pequenas propriedades, tendo em vista que as fiscalizações são muito ineficiente.

    ResponderExcluir

Agradecemos suas opiniões e informações.