terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Comercialização de polpas de futas


Despolpadeira em construção no Vale do Anari, Rondônia. foto cpt ro
Anselmo de Jesus cobra solução para comercialização de polpa de frutas da agricultura familiar
18 de fevereiro de 2014
O governo federal deve rever regras para comercialização de polpa de frutas, que exige do produtor cadastro na Superintendência Federal da Agricultura da Agricultura de Rondônia. Esse foi o apelo feito deputado federal Anselmo de Jesus (PT-RO) ao Ministro da Agricultura, Antônio Andrade, durante pronunciamento nesta segunda-feira (17) na Câmara dos Deputados. O parlamentar pediu a criação de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que garanta transição sem prejuízo ao agricultor familiar.

Ao falar da importância do Ano Internacional da Agricultura Familiar, criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) com a finalidade de reconhecer a contribuição do setor para redução da pobreza, Anselmo alertou o ministro sobre os problemas causados pela política de fiscalização e inspeção dos produtos, principalmente, as polpa de frutas que estão sendo impedidas de serem entregues ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNE). Segundo o deputado, essa produção garante a renda de muitas famílias do campo no Estado de Rondônia.

Anselmo defendeu alternativas que permitam um prazo maior para adequação tanto dos agricultores quanto do governo, além de um tratamento diferenciado ao agricultor familiar.

De acordo com informações da Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Rondônia (Fetagro), os produtores estão tendo prejuízos. Eles investiram na compra de equipamentos, na melhoria da estrutura e adquiriram financiamentos agrícolas.

A federação também defende um processo de transição na legalização das unidades produtivas.

A Fetagro alerta ainda que além dos danos diretos causados a particulares haverá um desestímulo das famílias participantes dos programas, o que coloca em risco a segurança e soberania alimentar dos alunos, e a queda na qualidade da merenda escolar.

Por solicitação do deputado Anselmo de Jesus, o Núcleo Agrário do PT na Câmara já solicitou audiência para discutir o assunto com o ministro da Agricultura. O encontro deve ocorrer nos próximos dias.

Assessoria de Comunicação Social
Deputado Anselmo de Jesus
(61) 3215 5948

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.