EMATER VALORIZANDO A AGRICULTURA FAMILIAR EM CALAMA

Fonte: CPT-RO

A convite da EMATER- Calama, a Comissão Pastoral da Terra e os/as agricultores e Agricultoras do distrito de Calama, localizado no município de Porto Velho (RO), reuniram-se no dia 24 de fevereiro para discutir sobre a implantação do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), assim como sobre a feira livre do distrito.

O PAA é PNAE, são duas políticas públicas que foram abandonadas durante os governos Temer e Bolsonaro, entre os anos de 2016 e 2022, a retomada destas políticas públicas além de incentivar a produção diversificada de alimentos, irá atender às famílias carentes e a comunidade escolar que receberá os produtos via PNAE sem custo às escolas municipal e estadual. A partir disso, os alunos poderão ter uma melhor alimentação, por estarem consumindo produtos regionais e frescos

A iniciativa é da EMATER e do novo governo federal, esses programas voltaram a ser executados, tendo em vista ela ser a responsável pela implementação dessas ações que beneficiam não só os/as agricultores e agricultoras familiares, mas toda a sociedade.

Desde que a CPT-RO chegou ao distrito de Calama, nosso grande desafio sempre foi incentivar a agricultura, a produção alimentos livres de agrotóxicos e, principalmente, a diversificação da produção. A organização da feira foi pauta de muitas conversas com as famílias agricultoras e que, finalmente, agora pode se tornar uma realidade. Realidade esta que será possível a partir do apoio do deputado Chiquinho da EMATER que por meio de emenda parlamentar contribuirá com essas famílias e com toda a sociedade de Calama.

Este ano, a Campanha da Fraternidade tem o tema ‘Fraternidade e Fome’, pois “a fome é um dos resultados mais cruéis da desigualdade [...] Atinge, contudo, a todos, diz respeito à sociedade inteira” (CF, CNBB, 2023, pg. 6). Dessa maneira, assim como afirma o Papa Francisco, “não há democracia se existe fome”, alegremo-nos com o retorno de políticas públicas e sociais que estejam relacionadas a este tema tão perverso e que deve ser combatido por todos e todas.

Fonte: CPT-RO


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NOTA PÚBLICA - HOMENAGEM RIDICULARIZA RONDÔNIA E ESTIMULA A CRUELDADE CONTRA AS MINORIAS.

O acidente das usinas que nos esconderam

Santo Antônio do Matupi, no Km 180 da transamazônica.