sexta-feira, 13 de novembro de 2020

INDÍGENAS, RIBEIRINHOS E CAMPESINOS DE PORTO VELHO PARTICIPAM DO IX FOSPA

“Por la vida, defendemos la Amazonía”

IX Fórum Social Panamazônico com o tema “Por la vida, defendemos a Amazonía” com encontros virtuais, iniciou nesta quinta-feira dia 12 de novembro de 2020 e se estenderá até o próximo dia 15 de novembro de 2020.

O encontro estava programado para acontecer em Mocoa -Putumayo na Colômbia em março de 2020, mas por conta da pandemia do corona vírus foi preciso ajustar a metodologia de ação para que o fórum pudesse acontecer. Diante deste cenário, inúmeras pessoas que inicialmente não conseguiriam participar, se fizeram presentes por meio de pontos de apoio articulados por membros da rede de articulação do IX FOSPA.

Em Porto Velho, membros do comitê de organização dos pontos de transmissão, reuniram-se na Maloca Querida, base do Coletivo Mura de Porto Velho e do Instituto Madeira Vivo-IMV com representantes da comunidade campesina, ribeirinha e de povos indígenas do norte do estado de Rondônia.

Participantes reunidos em Porto Velho no ponto de transmissão do IX FOSPA

Gabriela ortiz
(representante dos campesinos e campesinas do setor chacareiro do bairro Jardim Santana de Porto Velho)

Para Gabriela Ortiz, representante da comunidade campesina do setor chacareiro do bairro Jardim Santana na cidade de Porto Velho, o IX FOSPA representa a resistência dos povos e comunidades amazônidas. Assim como para os demais companheiros e companheiras que acompanharam o primeiro dia de transmissão.

O Encontro seguirá até o próximo domingo com reuniões virtuais com transmissão ao vivo e tradução simultânea nos idiomas: inglês, português e francês.

Acesse os links e confira o evento:

IX FOSPA

Foro Social Panamazónico [FOSPA]

Fonte: CPT-RO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.