segunda-feira, 13 de abril de 2015

Camponês sem terra é assassinado brutalmente no Municipio de Machadinho




foto arquivo da CPT-  encontro de formação - jan 2013.
"Queremos só a justiça,
Queremos só a verdade
que a lei jamais seja omissa
Venha a nós a Liberdade."
Dom Jairo Matos da Silva

A Comissão Pastoral da Terra, soma-se nesse momento aos gritos de socorro e lágrimas das mais de cinquenta famílias de sem terra que se encontram  assustadas e com muita dor,  pelo assassinato violento de um de seus membros, Fábio Carlos da Silva Teixeira de 30 anos de idade.

foto no acampamento- arquivo da cpt - jan 2013.
A violência no campo de Rondônia ainda é objeto que vem aumentando consideravelmente a cada ano, inclusive com o tema de assassinato, o que para a CPT, parte do aumento  do número de assassinato se dá  pela falta de compromisso com a reforma agrária  e  a impunidade daqueles que praticam a violência.

Além da notícia dessa fatalidade, temos conhecimento através das famílias de que outras ameaças vem acontecendo contra os acampados que temem por suas vidas e de seus filhos.

Fábio Carlos, era membro do acampamento Fortaleza que está implantado dentro do assentamento Santa Maria II, município de Machadinho em Rondônia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.