domingo, 21 de setembro de 2014

Escola Família Agrícola do Cone Sul lança pedra fundamental em Cerejeiras, Rondônia.

Da Associação gestora da nova EFA de Cerejeiras reproduzimos esta informação recebida do lançamento da pedra fundamental: 

CEREJEIRAS: Escola Família Agrícola do Cone Sul lança pedra fundamental. Para o presidente da associação o evento é a realização de um sonho. Em Rondônia já existem 6 escolas EFAs.

A formação escolar dos filhos de agricultores do Cone Sul de Rondônia deu um passo importante, nesta sexta-feira, 12. A direção da Associação Escola Família Agrícola Cone Sul Manoel Ribeiro (AEFACS) em conjunto com a comunidade envolvida com o projeto realizou nesta data o lançamento da pedra fundamental da obra. Representantes dos municípios de Vilhena, Colorado do Oeste, Chupinguaia, Pimenteiras, Cabixi, Corumbiara e Cerejeiras, sede da unidade estudantil, participaram do evento, que foi muito comemorado, pela importância que escola representa para toda a comunidade. Após a conclusão da obra a escola será dotada de espaço com salas de aulas, laboratórios, alojamentos e toda estrutura necessária para atender cerca de 300 alunos, dentro da pedagogia da alternância, que possibilita aos educandos ficaram 15 dias na escola e o mesmo período com seus pais, colocando em prática o que foi aprendido em sala e nas aulas no campo.


O objetivo da EFA é dar sequencia na formação dos jovens para que contribuam com a melhoria da produção, usando técnicas de manuseio da terra que colaborem para a manutenção do agricultor em suas terras. Para a obra em Cerejeiras a prefeitura doou uma área de 5 alqueires, onde já existe um espaço plantado pelas pessoas da escola obedecendo a ausência de agrotóxicos.


Ao dar a benção na abertura do ato o padre José Elio disse que o lançamento da EFA apresenta uma alternativa para uma educação diferente e qualificada com um olhar voltado para a agricultura. "Ao mesmo tempo este modelo de educação tem um olhar para um futuro mais promissor, pois muitos adolescentes que aqui estão certamente estarão estudando aqui" disse o pároco que finalizou rogando a Deus pelos profissionais que irão passar pela escola.
Dionísio Martins de Oliveira, presidente da AEFACS, falou da satisfação ao dar inicio a obra da EFA e agradeceu a disposição das pessoas em articular as propostas que culminou com a criação da EFA Cone Sul.


Dionísio disse ainda da importância das parcerias entre os gestores dos municípios que compõe o regional e a participação das entidades sociais e religiosas. "Olhando estas parcerias percebo que a AEFACS tem tudo para dar certo e em pouco tempo pais e mães estarão contemplando o aprendizado de seus filhos e acompanhado o desenvolvimento de projetos que realmente beneficiam a nossa agricultura familiar", destacou o presidente estampando no rosto, a sensação de alegria pelo lançamento da obra. Ainda segundo ele o que mais anima nesse processo inicial é a ideia de fortalecimento do setor produtivo a partir de uma educação que ensina na prática. "Esta é a realização de um sonho", finalizou.
Presente ao lançamento da pedra fundamental a secretaria de educação de Cerejeiras, Natalia dos Santos Pereira, disse que o principal objetivo da escola agrícola é a valorização do agricultor, através do apoio aos jovens, incentivando a permanência no campo. Segundo ela a administração municipal dará total apoio para a diretoria da AEFACS.


De acordo com a tesoureira da associação, Denize Monteiro, a diretoria é formada por três representantes de cada município do regional, que forma o Conselho Gestor e Comissão Pedagógica. Cabe ao conselho eleger a direção e tomar decisões em torno da escola.
Já a comissão está trabalhando na criação do Plano Politico Pedagógico (PPP), que define as atividades e ações da EFA e direciona o funcionamento da escola planejando a vida pedagogia da EFA. 
fonte e fotografias: Da Redação Tribuna TOP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.