segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Grileiros querem invadir área indígena

Área Indígena Uru Eu Au Au na Serra da Onça. foto cpt ro

Grupo de grileiros de Seringueiras (Rondônia) por terceira vez estaria querendo invadir a área indígena Uru Eu Au Au. Segundo fontes dos sindicatos locais e movimentos sociais do estado, a associação presidida por Hermes Cavalheiro estaria com intensa atividade de recolhida de taxas de novos sócios com promessas de terras situadas dentro da Área Indígena Uru Eu Au Au situadas no final da Linha 15 do citado município de Seringueiras. 

Movimento intenso de pessoal de Urupá e inclusive de dois vereadores de Nova União  procurando a associação têm sido confirmado na cidade de Seringueiras. O local onde o grupo pretende seja criado um assentamento em terras situadas dentro da área indígena Uru Eu Au Au. No local inclusive existem diversos grupos indígenas isolados (não contatados) morando. 

O superintendente do INCRA de Rondônia Luiz Flávio Carvalho Ribeiro tem divulgado nota oficial (ver abaixo) confirmando que não existe nenhum projeto de assentamento na área; que o citado Hermes Cavalheiro não foi autorizado pelo INCRA a realizar nenhum cadastro nem cobramento de taxas sob este argumento e que a Polícia Federal foi avisada "pois é crime ocupar terras públicas federais".

No local um numeroso grupo de grileiros já foi despejado alguns anos atrás, com mais de uma centena de motos e quatro carros apreendidos pela polícia federal. O citado Hermes Cavalheiro estaria. sofrendo diversos processos na justiça por este motivo.

Segundo as mesmas informações atualmente o grupo também pretenderia invadir a Reserva Extrativista do Rio Cautário, em Costa Marques, pela Linha do Km 15 da BR 429, numa área que também é reivindicada pelos indígenas Cojubim. 



Um comentário:

  1. ASSOCIAÇAO DOS TRABALHADORES RURAIS DO VALE DO RIO GUAPORE NO ESTADO DE RONDONIA.VEM MUI.RESPEITOSAMENTE, E RESPONSAVELMENTE.FAZER.UMA COLOCAÇAO,SOBRE ESSAS FARSAS,PUBLICAÇOES,QUE O : EXCELENTISSIMO SENHOR LUIZ FLAVIO CARVALHO RIBEIRO.ESTAMOS A DENUCIAR O MESMO.PARA POPULAÇAO DO NOSSO ESTADOI D RONDONIA.QUE O DIVERSOS SERVIDORES DO MESMO,INCRA DO NOSSO ESTADO DE RONDONIA,E DO MATO GROSSO.JA FORAM PRESOS,POR NAO COMPRIREM COM AS SUAS OBRIGAÇOES,AO INVES DE FAZER,OU CUMPRIR COM SUA SOBRIGAÇOES DE FAZER A REFORMA AGRARIA,AQUI,EM NOSSAS TERRAS DA UNIAO,FICAM FAZENDO TITULOS FALSOS,ASSIMO FORAM PRESOS,E TAMBEM FOI CANCELADOS,OS TITULOS DO TERRA,LEGAL,QUE FOI MONTADO.POR O EX,PRES LULA.EM 2007.FORAM DEPOSITADOS,SETE MILHOES.PARA FAZEREM O NOSOS ASSENTAMENTO,ENTAO NAO FOI REALIZADO,EM 1996 /08/01/96.FOI DECRETADO,UM DECRETO 1775/.ARTIGO QUARTO.PARA REASSENTARMOS NOS MORADORES NA AREA,MAIS O MEMSO INCRA,SEGUNDO AS INVSTIGAÇOES,FOI VENDIDO.PARA O BANCO MUNDIAL,O BIRD.ENTAO AGORA,VAMOS AVISAR O SENHOR FLAVIO,QUE OCUPA ESSA FUNÇAO DE SUPERINTENDENTE DO INCRA,QUE ELE,PODE SER INDICIADO,POR DEFAMAÇOES,E INJURIAS,POIS JA CHEGA,AS NOSSAS PRISOES,E ACUSAÇOES FALSAS,POR PARTE DESSES ORGAOS,QUE NAO CUMPRI,COM SUA SOBRIGAÇOES,QUE SAO PAGOS,POR NOS PEQUENOS AGRICULTORES,E QUE,NAO E DE AGORA,SENHOR FLAVIO,NOS SOMOS FUNDADORES DAQUI DA NOSSA.QUERIDA BR-429-RONDONIA.QUE SOMSO NOS A MAIORIA,FUNDADORES DESSA BR-429-RO,COM O APOIO DO PRESIDENTE DA REPUBLICA GENERAL :JOAO BATISTA FIGUEIREDO,E AGORA,SOMOS,MAIS QUE AUTORIZADO.POIS O SENHOR ESTUDE A CONSTITUIÇAO FEDERAL,QUE NOS HOJE SOMOS INDEPENDE D EAUTORIZAÇAO,POIS SOMSO APOIADOS,POR DECRETO,E TAMBEM,SOMOS VITORIOSOS,PELO A JUSTIÇA PESADA,E NAO ESSA QUE NOS ESPULSAS DAS NOSSAS TERRAS,EM 1996.COM 6 ANOS DE MORADIAS,ENTAO SENHOR FLAVIO,E COM TODO O RESPEITO.PARA COM O CIDADAO DO BEM,MAIS NUNCA VAMO SE ENCURVAR,DIANTE DE MARACUTAIS,QUE JA ESTAO SENDO DESVENDADAS,POR AS AUTORIDADES,COMPETENTES,EM BRASILIA-DF.ENTAO NAO QUEREMOS SER VINGADORES,MAIS COM A JUSTIÇA NAO SE BRINCA,POIS NAO SOU REU,E SIM CIDADAO.COM DIREITO,E ATE COM SERTIDAO DO CARTORIO CRIMINAL,CANCELANDO,A PROIBIDADE EM FAVOR DO REU,HERMES CAVALHEIRO

    ResponderExcluir

Agradecemos suas opiniões e informações.