quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Escola Família Agrícola é inaugurada em Jaru




Foi realizada na manhã desta quarta-feira (06), a solenidade de inauguração da Escola Família Agrícola (EFA) Dom Antônio Possamai. A entidade de ensino fica localizada no km 02 da linha 623, em Jaru.

Na oportunidade várias autoridades estiveram presentes, entre elas, o vereador Benildo Marcio (PT), Edimilson da 17 (PRP) e Josemar da 34 (PT); e ainda, a prefeita de Jaru, professora Sonia Cordeiro (PT), vários secretários municipais, a secretária de estado da Agricultura, o presidente da Fetagro Lazaro Dobri, entre outras lideranças.

A solenidade começou com uma missa celebrada pelo Padre Sergio. Em seguida, algumas autoridades compuseram a mesa de honra.

A presidente da Associação Escola, Clotilde Crepaldi , ressaltou que está muito feliz nesse dia.. “O nosso projeto sempre foi e sempre será ambicioso. Agradeço a todos que contribuíram e que estão presentes nesse dia tão especial”, comentou.

“É uma satisfação muito grande inaugurar essa escola, que estamos lutando por ela desde 2001. Mas é agora que o desafio aumenta, precisamos mantê-la. Por isso que todos nós devemos unir as nossas forças e lutar para que a escola siga em frente. Porque a escola do campo tem que ser assim sem estrutura? Precisamos mudar isso, pois a reforma agrária é o lugar de gerar emprego. Os nosso jovens precisam continuar em suas propriedades rurais”, comentou o presidente da Fetagro, Lázaro Dobri.

Emocionada, a prefeita Sonia lembrou que o até então sindicalista, Leomar, lhe disse que caso eles ganhassem as eleições, a escola sairia de qualquer forma. “Hoje é uma realidade. Já disponibilizamos 9 funcionários, um trator e um poço artesiano, e, em breve vamos celebrar um convênio com a escola. Estou aqui para atender as necessidades da EFA.”, sintetizou a prefeita.

A EFA atenderá 64 jovens que estudarão no sistema de alternância. Ou seja, 32 começarão estudando na escola durante 15 dias, e depois mais 15 dias aplicando o que aprenderam na propriedade rural. Na sequencia se invertem as turmas.

A escola de Jaru é a 6ª no estado. As outras são em São Francisco do Guaporé, Vale do Paraíso, Cacoal, Ji-Paraná e Novo Horizonte. Ela também é a primeira a mudar o curso de Técnico Agrícola para Técnico em Agroecologia.

Autoria e fonte, fotografias: jaruonline.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.