Violência se repete no Acampamento Rio Azul sul do Amazonas


 O fato ocorreu neste domingo, 29 de julho na abrangência do acampamento Rio Azul, município de Canutama-AM, onde há três meses atrás dois acampados também foram baleados por elemento encapuzado.

Desta vez a violência foi contra o agricultor Genival Costa da Silva de 55 anos de idade que foi atingido na perna esquerda na altura da canela por um disparo de escopeta calibre 12 e de repetição, em posse de um elemento encapuzado. O agressor também disparou tiros contra o motor serra que a vítima usava para cortar a madeira que iria usar para fazer um chiqueiro e uma estiva (pinguela) e mandou as vítimas correrem, alegando que ali tinha dono, se não iria mata-los.

Não é a primeira vez que acontece este tipo de violência neste acampamento, embora os acampados saibam quem é o mandante da violência e denunciam à polícia, de nada adianta, ou pelo menos é o que eles sentem, pelo fato da violência continuar.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NOTA PÚBLICA - HOMENAGEM RIDICULARIZA RONDÔNIA E ESTIMULA A CRUELDADE CONTRA AS MINORIAS.

O acidente das usinas que nos esconderam

Santo Antônio do Matupi, no Km 180 da transamazônica.