quarta-feira, 29 de agosto de 2012

CPT do Acre sofre retaliações.

Após terem por diversas vezes a sede arrombada, nossas companheiras da CPTdo Acre escrevem:
"Desde o ano de 2010 a CPT Acre intensificou suas ações nas áreas de manejo florestal madeireiro, seringais e nas áreas griladas do estado e sul do amazonas. Após inúmeras denúncias, em 2011 o MP do Acre cancelou o maior plano de manejo do estado realizado pela empresa laminados triunfos. A CPT frequentemente é convidada, a intermediar “ acordos” entre os fazendeiros/madeireiros e seringueiros dos seringais envolvidos.
Desde o cancelamento deste plano de manejo, a CPT Acre tem sido alvo de ameaças, telefonemas e ações criminosas. O último ocorreu no dia 25 de agosto (sábado). Entraram na sede da CPT, arrombaram todas as portas e colocaram toda documentação abaixo. A certeza de ser uma ação criminosa e de intimidação ao nosso trabalho dar-se pelo motivo de que as salas arrombadas tinham equipamentos (computadores notebooks, máquinas fotográficas...) além de dinheiro em espécie e nada levaram.
Apreensivos, estamos tomando todas as providências cabíveis, mas sabemos da impunidade em nosso País. Só nos resta continuar nos articulando e desenvolvendo nossas ações junto as comunidades que acompanhamos."



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.