quarta-feira, 9 de maio de 2012

Despejados posseiros de Ariquemes


 Grupo de 30 famílias de posseiros do Acampamento São Francisco, de Ariquemes, saíram da terra a semana passada após serem pressionados pela polícia e ouvidoria pública do Incra de Rondônia.  Uma 15 famílias ficaram acampadas na saída de Ariquemes por Machadinho após promesa de voltar ao mesmo lugar após vistoria do INCRA, ou serem assentadas em outro pelo INCRA. Eles estavam no local pelo menos 6 anos.  A ordem de reintegração foi cumprida apesar do fazendeiro, Daniel Stivanin,  ter falecido assassinado o dia 16 de março de 2012. A ordem de reintegração de posse foi  revogada judicialmente ontem, no dia 09/05/12.
Segundo informações divulgadas, a PM fez reunião com as famílias no Acampamento São Francisco, no último dia 22 de março. Neste dia o Coordenador Regional de Policiamento 2, Ten Cel PM Bittencourt, acompanhado do Oficial PM Agrário, Ten Cel PM Ângelo, da Ouvidora Agrária Regional, Dra Márcia Pereira, e dos 2º Ten PM Glenervan da CRP2 e Valentim do 7º BPM e Sd PM Léia, se deslocaram ao Acampamento São Francisco, a aproximadamente 50 KM do Município de Ariquemes para uma reunião com aquelas famílias "a fim de delinear um acordo harmonioso e cumprimento das ordens judiciais".
No Acampamento São Francisco os moradores tinham posse e ocupação pacífica do local fazia muitos anos, produzindo alimentos básicos da subsistência familiar e ainda os comercializando na cidade de Ariquemes. Um casal de lideranças foi assassinado no começo da ocupação.
Segundo estas fontes "as conversações convergiram para um acordo, restando duas propostas: 1ª) Definição de uma área nas proximidades para que as famílias permaneçam produzindo enquanto aguardam decisão final da justiça no processo daquela fazenda; ou 2ª) Desocupação pacífica da fazenda em cumprimento a ordem judicial. A situação dos acampados na estrada significa que somente a segunda parte do acordo foi cumprida.

Ainda segundo esta fonte, "o Ten Cel PM Ângelo, Oficial PM Agrário e Dra. Márcia, Ouvidora Agrária Regional, em continuidade de seus trabalhos, estão visitando todos os acampamentos em que já foram expedidas ordens de reintegração de posse, buscando levar informações aos trabalhadores rurais acampados sobre os termos do processo judicial e da ordem a ser cumprida, procurando sempre uma conciliação e conseqüente desocupação pacífica da área, evitando-se assim o emprego da força policial."
Fontes grifadas:comando190.com.br/FLS
Fotos: Assessoria



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.