terça-feira, 17 de abril de 2012

MST está mobilizado em Ji-Paraná, Rondônia

Manifestantes do MST diante do Fórum de Ji Paraná, Rondônia. Foto cpt ro
 O MST está mobilizado em Ji-Paraná e aproximadamente, 400 camponeses participam da Jornada Nacional de Luta. Eles começaram a chegar ontem 16/04/'2 no INCRA, onde montaram cozinha comunitária, partilharam informações, e realizaram no período da tarde, grupos de estudos sobre a conjuntura nacional e a situação da vida dos camponeses em Rondônia e no Brasil. Também realizaram coleta de assinaturas contra os agrotóxicos. As crianças também participaram das atividades de estudo através do jornal Sem-terrinha. Hoje eles cortaram por 21 minutos a BR 364, com panfletagem, reivindicando o fin da impunidade das 21 vítimas de Eldorado dos Carajás.


foto cpt ro

A mobilização incluiu hoje reunião com o Superintendente do INCRA de Rondônia, com debate e levantamento de propostas e soluções sobre as áreas de acampamentos e assentamentos em Rondônia.
Pela tarde se manifestaram diante do Fórum de Justiça, exigindo o fim da impnidade pelos responsáveis do massacre de Eldorado dos Carajás. Representante da CPT RO se manifestou, declarando que boa parte dos conflitos agrários atuais de Rondônia tem como pano de fundo a falta de estado de direito, com a demora da justiça nos processos de retomada de terras públicas, as decisões parciais de juizes que nem ouvem os pequenos agricultores nas reintegrações de posse, o aumento da violência, das ameaças e da pistolagem. Somente neste ano em quatro meses já somamos quatro assassinatos por motivos agrários em Rondônia
Representante do Projeto Padre Ezequiel, da diocese de Ji Paraná também se manifestou sobre o apóio aos pequenos agricultores da região.


MST em manifestação em Ji Paraná, Rondônia, 17.3.12.


Povo do MST acampado no INCRA de Ji Paraná. Foto cpt ro
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.