domingo, 11 de março de 2012

Santa Elina: Noventa famílias ficaram sem lotes

Famílias de Santa Elina receberam lotes, noventa ficaram fora. Foto Diario da Amazônia.
Segundo informações do Diario da Amazônia, noventa famílias ficaram fora da distribuição de lotes do Assentamento Água Viva, criado na antiga fazenda Santa Elina de Corumbiara. De 286 famílias cadastradas, apenas 194 recebram lotes.  O grupo do Assentamento Água Viva forma parte da CODEVISE (Comité das Vítimas de Corumbiara) e da Liga dos Camponeses. Eles ocuparam a frente do INCRA de Colorado do Oeste durante um dia nesta semana. José Queiroga, responsável da Unidade de Colorado declarou que o INCRA está analisando e vendo a possibilidade de uma outra área para estas famílias. Das 409 famílias assentadas entre o PA Maranatá e o PA Água Viva, 130 sâo famílias remanescentes do Massacre de Corumbiara, acontecido em 09 de agosto de 1995. Segundo Queiroga, o Governo Federal pode liberar créditos por valor de $R 3,2 por família, mais R$ 20 mil para construção de casas, e ainda o crédito mulher no valor de $R 3 mil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.