quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Despejadas 25 famílias em Castanheiras, Rondônia

Vinte e cinco famílias do Acampamento Boa Esperança, esta segunda feira passada, dia 23 de Janeiro de 2012, foram despejadas da beira da estrada, por considerar o juiz que não podiam ficar a menos de 10 km. da fazenda ocupada. No momento 25 famílias, com muitas crianças, encontram-se refugiadas na Quadra de Esporte do Município de Castanheiros, na região central de Rondônia. A ínformação é do Deputado Padre Ton, que foi procurado pelas famílias, que se encontram em situação deseperada. Segundo eles faz mais de dois meses que não recebem ceta básica. Existe um processo judicial de retomada das terras por parte do INCRA, que  já realizou vistoria da "Fazenda Recanto Sonhado", e de 613 hectares de terra apenas 145 foram consideradas produtivas. Segundo os informantes, a Ouvidora do Incra, Sra Márcia, esteve no local no dia do despejo.
Os pequenos agricultores resistem desde o ano 2008, que ocuparam o local pela necessidade da terra para sobreviver, apesar de que muitos deles já sofreram várias reintegrações de posse.  Famílias do Acampamento Pequena Vanessa, que também foram despejadas se integraram neste grupo. Está na hora das autoridades judiciais fazer fvaler também a função social da terra consagrada pela Constituição Da República Federativa do Brasil: Titulo II, Art. 5,  XXII - é garantido o direito de propriedade. XXIII a propriedade atenderá a sua função social.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.