sexta-feira, 27 de agosto de 2010

AMAZÔNIA TOMADA PELA FUMAÇA

Já faz algumas semanas que a Amazônia legal volta a estar tomada pela fumaça. Estamos em plena época seca e este ano quase não choveu nada. As árvores, as plantas e toda a floresta amarelou, e perto das estradas, ficam chéias de poeira, dando uma imagem terrível de desolação. Diferente do ano passado que foi chovendo mais ou menos. Parece que volvemos aos velhos tempos das grandes queimadas sem controle.


Foto: Queimada em Alvorada do Oeste, RO, agosto de 2010. zezinho

Agora que ficou mais difícil a derrubada, alguns queiman para o fogo penetrar na mata e depois ser mais fácil terminar com tudo. Outros simplesmente para limpar os pastos de arbustos. Outros incêndios são criminosos, provocados intencionalmente para prejudicar aos vizinhos. Assim, os assentados do PA Flor do Amazonas, em Candéias do Jamari, denunciaram à CPT RO que o fogo está queimando a maioria de culturas permanentes do assentamento. Anos atrás todo o seu acampamento foi queimado. Depois de ter lutado duramente para conseguir as terras, agora o fogo está acabando com o café, o cacau e outras lavouras deles. Com o fogo somente os pastos de braquiarão conseguem sobreviver e se expandir. Outro assentado de Vilhena, que tinha recebido ameaças, apenas conseguiu salvar a casa e ficou sem pasto para as vacas dele.
En Rondônia inteira os hospitais ficam superlotados (bom, isso acontece habitualmente), desta vez por pessoas com problemas respiratórios. Alguns têm optado por usar máscaras protetoras na rua e no trabalho, como em plena paranóia da gripe suina. A fumaça tem provocado graves acidentes nas estradas e atrapalhado o movimento aéreo, especialmente de noite e de madrugada, quando mistura com a neblinha. Vários vôos tem sido suspendidos nos aeroportos de Porto Velho e de Rio Banco.
Assim, ainda que na TV o governo fale de redução do desmatamento, a fumaça todo dia desmente os índices apresentados. Pois onde tem fumaça... tem fogo. E toda a Amazôia parace estar queimando, o qual é confirmado pelas centenas de focos de calor detectados por satélite. Os companheiros/as da CPT dizem que também os estados de Mato Grosso, Amazonas e Pará estão tomados pela fumaça. Em Manaus melhorou m pouco a situação depois da chegada de chuvas. Somente estão livres de fumaça os estados de Amapá e de Roraima, onde nesta época está chovendo bastante.
Enquanto no Acre a tendência é culpar aos vizinhos, aqui em Porto Velho está claro que muitos dos focos dos incêndios são de aqui mesmo. As áreas das casas ficam chéios de cinzas e povo indinado está pedindo uma atuação mais efetiva das autoridades. Porém estamos em ano eleitoral, e todos sabem que ano eleitoral é ano de impunidade ambiental na Amazônia. Ao final as multas são muito impopulares e ninguém quer perder votos. Quuando o Ibama tinha as competências da fiscalização, o PT foi duramente atacado por isso. Agora que a competência ambiental passou para a SEDAM estadual... alguém quer perder as eleições por causa disso? Assim que melhor deixar este assunto para depois.
Ao final as queimadas são o fruto da política geral de relajamento da legislação ambiental e de proteção legal das florestas. Como novo Código Florestal, propondo anistia para os crimens ambientais e reduzindo as reservas permanentes. Como as barganhas do governo federal e estadual, envolvendo a redução da Flona de Bom Futuro, e legalizando a invasão de unidadesde conservaçao federal em troca de autorizacões para a UHE de Jirau. Ou como o Terra Legal legalizando grilagens de terras. E ainda, como a retirada de proteção de miles de hectares em Rondônia, suprimindo seis florestas estaduais (709.702 de hectáreas desprotegidas). Claro que estas, como a Floresta Estadual do Rio São Domingos, em São Francisco do Guaporé, sempre foram apenas reservas fantasmas, criadas “para inglês ver”, e existiam apenas no papel, pois mais da metade de seus territórios já se encontram completamente grilados e desmatados.


Segundo o IMAZON (Instituto do Homem e do Meio Ambiente na Amazônia) 49. 506 Ha de terras da Amazônia legal, uma superfície maior que toda Catalunha, já perdeu a proteção legal entre 2008 y 2009.
Quando estas semanas chegou Lula de campanha eleitoral, ele não conseguiu ignorar a fumaça que tomava conta da cidade de Porto Velho, e com conhecida demagogia populista disse que, com o desenvolvimiento do novo PAC, o povo já não precisaria mais fazer queimadas. Muitos achamos que quem provoca esta fumaça é o PAC do governo e o falso desenvolvimiento sem controle, que acelera o desmatamento e contribui à devastadora mudança climática do Planeta.
Josep Iborra Plans, zezinho. CPT RO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos suas opiniões e informações.